Obama declara que Bin Laden está morto [Vídeo Oficial]

O morto da semana é Osama Bin Laden, acusado como responsável de comandar uma das maiores redes terroristas da atualidade, a Al-Qaeda. Os indícios de ter sido Bin Laden o mentor dos ataques aos EUA em 11 de setembro de 2001 levaram os EUA a percorrerem o mundo com seu exército, começando pelo Afeganistão, até a queda de Sadan no Iraque. Agora, quase 10 anos depois de começarem as buscas, o presidente Obama, declarou na noite de ontem, 01 de maio de 2011, que o terrorista mais procurado da história, está morto.

Abaixo o vídeo, com legendas em inglês, da declaração oficial da morte de Osama Bin Laden, feita pelo presidente dos EUA, Obama.

Houve até festa pelas ruas das principais cidades dos EUA, onde os americanos se viram livres de sentimentos de quase uma década. Sentimentos que passaram pela frustração com seu governo (o Bush), tristeza pelas milhares de mortes de seus soldados, crimes de guerra e isolamento internacional. Agora podem até querer voltar à rotina e tentarem resgatar um pouco de sua imagem.

Os prejuízos causados pelo terrorismo para os americanos (estadunidenses) não ficaram restritos às suas fronteiras. Todo o mundo foi pautado por sua política de “caça às bruxas”, de combate ao terror. Mas o “terror” não tem cara, nem terra ou nação. A morte de Bin Laden é também um alívio para as relações internacionais e para as nações árabes. Perseguiu-se povos inocentes por conta da ignorância do ocidente e por culpa dos extremistas infiltrados em meio à massa inocente.

Podemos e devemos todos festejarmos, mas que esse seja o sinal da volta da democracia que estava suplantada pelo poderio militar.

Fonte da imagem: Revista Veja.

Deixe uma resposta